Se você é um daqueles donos de pet que, assim que pega o shampoo na mão, ele sai correndo, esse texto é pra você. Alguns cães ficam tão assustados em pensar que vão tomar banho, que até se escondem pela casa. Por isso, vamos dar algumas dicas para resolver seu problema do banho em cachorro.

Esse comportamento dos pets é mais comum do que parece. Porém, isso não quer dizer que o cão não goste de água e os motivos para isso podem ser vários.

Muitas vezes, é por conta de algum banho feito em um ambiente inadequado e ficaram com essa situação gravada na memória. Outras, pode ser em razão de algum problema com o secador, e não pelo banho em si.

Também há aqueles que possuem medo de barulho e associam o banho a um momento assustador. Então, continue a leitura e veja o que você pode fazer para o seu cachorro amar o banho!

1 – Paciência

A primeira dica de todas é ter muita paciência. Por mais que você saiba e entenda que o banho é para o bem do seu peludo, ele não tem consciência sobre isso.

Quanto mais eufórico ou nervoso você estiver, essa sensação passará ao seu pet e vai piorar toda a situação.

2 – Cuidado com o piso

Um dos principais motivos que o cão não gosta do banho, é o local inadequado. Você pode tê-lo colocado em um ambiente que não ofereceu a segurança necessária.

Um exemplo disso, é dar banho no seu pet no box do banheiro. A água pode até ser quentinha, mas será que o piso é o ideal? Até mesmo os humanos escorregam; imagina a dificuldade para os cachorrinhos. O piso molhado pode causar um grande desconforto para eles.

Pelo fato de não conseguir se firmar com segurança no chão e ficar escorregando, ele acaba não se sentindo seguro. Então, para oferecer o melhor ambiente, procure por aqueles tapetes de borracha que garantem a firmeza nas patas.

Assim, leve-o com cuidado até o local e mostre que o tapete é seguro. Quando ele se acostumar, não será mais problema.

3 – Troque o local do banho

Também há casos em que os cachorros se incomodam com as banheiras. Muitas pessoas dão banho em seus pets como se fossem bebês, enchendo uma banheira de água e mergulhando-os dentro.

Essa ação pode acabar traumatizando o animalzinho. Eles não entendem o que está acontecendo. Só percebem que foram mergulhados em um local com água e se sentirão inseguros.

Se esse for seu caso, procure eliminar a banheira e dê o banho embaixo do chuveiro. Mas, lembre-se de usar os tapetes de segurança.

4 – Reforço Positivo

Todos os cachorros gostam de tomar banho, quando esse momento faz bem para eles. Então, para ajudar seu cão, o reforço positivo é fundamental, transformando o banho em algo super legal.

Você pode fazer isso, por exemplo, nos intervalos de uma brincadeira para outra. Assim, quando estiver se divertindo, ele vai tomar banho e, após isso, brincará de novo. Ou seja, o antes e o pós-banho, serão momentos super divertidos.

Outra maneira de realizar um reforço positivo, é fazer dois passeios, um antes e um depois do banho. Dessa forma, ele entenderá que, toda vez que toma banho, ele passeia duas vezes.

Lembre-se de sempre dar muito carinho durante o banho e, se possível, petiscos antes e depois.

cachorro-com-medo-de-banho

5 – Secador

O barulho alto do secador pode ser um grande incomodo para o cãozinho. Muitos deles têm medo do som alto, podendo ser na hora da secagem, a causa do trauma do banho.

Então, procure se atentar ao seu secador, escolhendo sempre um silencioso. Além disso, nas primeiras vezes, mantenha o aparelho mais longe dele, apenas com um ventinho suave.

Aos poucos, ele vai se acostumar bem com os secadores e isso não será mais problema.

6 – PetShop

Mesmo com todas as dicas acima, é sempre aconselhável levar seu cachorro para tomar banho em um petshop de sua confiança.

Nele, você vai encontrar tutores especializados e com experiência em dar banho nos pets. Além disso, passa a ser menos trabalhoso para você também.

Outra dica importante é: na hora que você ligar para marcar um horário, já deixe o tutor avisado que seu cão não gosta muito de tomar banho. Assim, ele já estará ciente e vai tranquilizá-lo desde o momento da chegada ao local.

E aí, curtiu nossas dicas sobre banho em cachorro? Não deixe de acompanhar nosso blog para ficar por dentro de tudo sobre o mundo dos pets.

Para qualquer dúvida, entre em contato com a gente. Até a próxima!