Quando vamos para a praia, sempre queremos levar o nosso pet junto. Mas, muitas pessoas não sabem como se comportar com seu cachorro na praia.

Para que você tenha um passeio tranquilo, preparamos algumas dicas que te ajudarão. Acompanhe a leitura e confira!

1 – Siga as regras da praia

Antes de tudo, você precisa saber quais são as regras da praia onde você está, relacionadas aos pets. Cada município possui normas diferentes para a permanência de cachorro na praia.

Para exemplificar, podemos citar as praias que só aceitam cachorros que estejam com a vacinação em dia. Então, antes de entrar na praia, você precisa mostrar a carteira de vacinação do seu pet.

Outro exemplo, é a praia de Santos, no litoral paulista. Neste local, seu cão só pode permanecer na praia se estiver em seu colo. Então, para que transtornos sejam evitados, estude as regras da praia antes de sair para o passeio.

A violação dessas normas pode gerar multas de alto valor, além de problemas com outros visitantes do local.

2 – Socialização do pet

Como a praia é um lugar que reúne muitas pessoas, recomenda-se que seu cachorro esteja acostumado com essa situação.

Ele pode acabar se assuntando com a quantidade de pessoas, bicicletas, roupas estranhas e causar um desconforto tanto para você, quanto para os demais banhistas.

Além disso, o seu cachorro pode ter muito estresse e ansiedade, por não estar acostumado com essas situações. Sendo assim, procure socializar bem seu pet antes de levá-lo para beira-mar.

3 – Horários de sol

Assim como com os humanos, o sol pode ser maléfico para o seu cachorro na praia. Procure aproveitar esse ambiente antes das 10h e após as 16h, como especialistas aconselham.

Ir com seu cão para a areia no horário não recomendado, pode aumentar o risco de câncer de pele, além de queimaduras nos coxins e insolação. Tudo isso, pela elevada temperatura da areia.

Mas, se você for à praia entre as 10h e 16h, tome alguns cuidados básicos. Procure uma sombra para seu amiguinho ficar, ofereça bastante água e, se possível, não deixe suas patas em contato direto com a areia, para evitar queimaduras.

4 – Uso de protetor solar

O uso de protetor solar é muito importante para seu cachorro na praia. Com a exposição aos raios solares, sem o protetor solar, seu pet pode sofrer queimaduras.

Sendo assim, procure passar o produto nas áreas sem muitos pelos como: ao redor dos olhos, abdômen e focinho. Além disso, repasse o protetor toda vez que ele voltar de um mergulho, ou a cada duas horas.

5 – Carteirinha de vacinação

Mesmo que o município da praia não exija a carteirinha de vacinação do pet, é importante que ela esteja em dia e com você.

Além disso, as vacinas previnem que seu cão adquira doenças no local. Sabemos que nas praias, há muitos insetos transmissores de doenças.

Sendo assim, você acaba protegendo também as pessoas ao redor. Se o seu amigo de 4 patas estiver com raiva, por exemplo, pode transmitir para outros banhistas.

6 – Avalie os possíveis riscos

Muitas pessoas têm vontade de deixar o cão sem guia na praia, já que é um local público e livre para ele se divertir. Esse é um dos prazeres que a praia proporciona mas, só faça isso se você tiver total controle sobre seu pet.

Então, antes de soltá-lo, avalie esses riscos:

  • Há animais agressivos na praia?
  • Há pessoas incomodadas com seu pet?
  • Você está próximo a ruas e avenidas movimentadas?
  • A água do mar está limpa?
  • Há muitas ondas no mar?
  • A praia está cheia a ponto de perder seu amigão de vista?

Se a resposta for “sim” para qualquer uma dessas questões, é melhor evitar soltá-lo. Todo cuidado é pouco com seu cachorro na praia. Uma boa opção nesses casos, é utilizar guias longas.

7 – Kit básico

Por último, mas não menos importante, está um kit básico para seu pet. Nas temporadas, tudo que você precisa é facilmente encontrado. Roupas, comidas, bebidas, acessórios, entre outros.

Mas, é mais difícil encontrar produtos para pet. Então, antes de ir para a praia, prepare um kit com água, ração, protetor, sacolas para recolher as necessidades e afins.

O planejamento antes de um dia de lazer, torna tudo mais fácil. Não se esqueça, também, de dar um banho no seu cão assim que retornar da praia. Dessa forma, você remove o sol, o sal e a areia que estão presentes nele, evitando possíveis alergias e irritações.

Seguindo essas dicas, sua experiência com seu amiguinho de 4 patas será incrível. Você viverá bons momentos que ficarão para sempre em sua memória.

Gostou dessa matéria? Então, não deixe de acompanhar nosso blog e ficar por dentro de tudo sobre o mundo pet!